Melissa

Pesquisar

Opções do Menu

Idioma

BR

Conteúdo

“Corações anatômicos batendo fora do peito. Feitos à mão e com amor ”
É assim que a Tengo Un Corazón se define. Um projeto artístico idealizado pelo casal Denize Barros, designer criativa, e Márcio Azevedo, artista plástico.  

A junção dos dois rendeu um trabalho que explora a ideia de carregar o próprio coração fora do peito. Segundo eles, os acessórios são feitos com amor e drama. Cada peça é pensada de um jeito especial. Hoje os corações se espalharam pelo mundo mantendo seguidores fiéis à marca. 

E como a gente ama unir nomes que tenham a nossa cara, convidamos o casal para um bate-papo exclusivo na nossa Galeria São Paulo para falar sobre história, processos criativos, arte e inspirações. 

Além disso, na última quinta-feira (6) rolou o lançamento de uma nova linha de corações de metal. Pra quem quiser levar um "corazón" pra casa, eles ficam à venda até o dia 12 de junho. E pra quem só quiser curtir a exposição, ela estará disponível até o final do mês pra visitação.

Confere a entrevista que fizemos com o casal: 
Como surgiu a ideia e o que projeto explora? 

Somos um casal de artistas com certo apreço pelo universo dark e punk. Estamos no nosso segundo casamento e tínhamos o desejo (desde aquele match no Tinder) de fazer um projeto artístico juntos. O primeiro corazón foi feito para uma boneca autopsiada que seria usada numa exposição. A Denize resolveu fazer um pingente e usar num evento de moda. A partir daí, amigos e conhecidos pediram um e mais um e mais um e adiamos a ideia da exposição e criamos a “ Tengo un Corazón”. Começamos estudar a anatomia do corazón humano e inspirados nela, criamos a nossa anatomia clássica que vem sendo transformada a cada série. Este projeto explora justamente a ideia de carregar o próprio corazón fora do peito.

Qual o significado do amor para vocês? 

Pra gente, o amor é o combustível do movimento do mundo. Tudo que tem amor real dá certo e inspira. Mas, é um sentimento que precisa ser cuidado e nutrido permanentemente. Dizemos que cada corazón é feito à mão com amor e drama. E é. Colocamos muito sentimento de propósito em cada peça modelada, e quem carrega um de nossos corações no peito, leva também um pedacinho desse amor consigo. O objetivo principal deste projeto é justamente esta partilha.
Qual o conceito em transformar a imagem real do coração num objeto comercial?

Dizemos que este é um projeto afetivo. A venda é consequência da dedicação que investimos em cada coleção. Não esperávamos fazer tantos corações e espalhá-los pelo mundo. Quem compra um, compra mais um e mais um. Temos uma clientela fiel que nos acompanha desde o início e que nos mantém inspirados. Não temos loja online ou revendedores. As vendas acontecem apenas em eventos exclusivos e especiais que promovemos de tempos em tempos, ou pelo nosso instagram.

O que tá por trás da ideia de “ter um coração” ?  

“Você não ficaria desconfiada de todos se tivesse o coração exposto e não por dentro da caixa torácica?” Esta pergunta num poema de Hilda Hist nos inspirou na ideia de propor que todos pudessem carregar um corazón exposto. É incrível  a magia que isso tem e move. Parece que ficamos mais cuidados conosco e com quem se aproxima da gente, assim, com o coração exposto no peito. Nossas peças são todas modeladas à mão em porcelana (exceto a nossa nova coleção em metal). São delicadas e inspiram cuidado. E é justamente este cuidado que nos conecta de forma amorosa com as pessoas e o mundo no dia a dia.
Ver Galeria de Fotos


Curtiu? Você tá convidado pra ir na nossa Galeria Melissa SP e conhecer de perto o trabalho da Tengo Un Corazón. 


Trending Topics

Shop

  • Ops! Não encontramos resultados para a sua busca

Onde encontrar

  • Ops! Não encontramos resultados para a sua busca

Representantes

  • Ops! Não encontramos resultados para a sua busca

Feed

  • Ops! Não encontramos resultados para a sua busca

E também

  • Ops! Não encontramos resultados para a sua busca